sexta-feira, 31 de julho de 2009

sexta-feira, 10 de julho de 2009

SAINDO UM LIVRO QUENTINHO DO FORNO...

Só hoje percebi... já faz quase um mês que não publico crônica alguma no blog.

Alguns leitores estranharam: O que está acontecendo? Por que parou de escrever?

Obrigada pela preocupação... é um sinal de carinho e atenção.

Ando envolvida em muitas coisas, mas a principal delas é uma boa notícia!

Recebi com simplicidade, através de um e-mail: "Cara Dulcinéa, seu livro está pronto! Att. Samuel.

Samuel foi quem fez a arte da capa do livro que está saindo do forno...

"BOLA DE CRISTAL E VARINHA DE CONDÃO – Para entender, transformar e amar"

Ainda estou tomada pela emoção! O primeiro livro! Minhas lembranças percorrem todas as minhas experiências "primeiras"...

A primeira escola, o primeiro dia em Brasília, o primeiro beijo, o primeiro filho, a primeira filha, a primeira árvore que plantei.

Dizem que para nos realizarmos é preciso gerar um filho, plantar uma árvore e escrever um livro.

Por esse critério, eu estaria, então, realizada. Sinto-me feliz, sim. E realizada, também.

Mas, para mim, esse não é o final da estrada. Pelo contrário; é o início de um novo papel.

Quando comecei minha jornada como psicóloga, não imaginava nem almejava chegar até aqui. O processo da publicação do livro começou a partir do consultório, das experiências relatadas e trabalhadas nos grupos de terapia. As crônicas do blog, compiladas e acrescidas de outras inéditas, deram origem ao livro que está saindo do forno... quentinho, com aquele cheirinho de pão fresquinho, que abre o nosso apetite e nos faz comer aquela pontinha, mesmo antes de chegar em casa.

Do texto até aqui foi um caminho... entre idas e vindas de e-mails trocados com o escritor Nelson de Oliveira, que é assistente editorial da LGE, fomos construindo o formato do livro. Nelson é escritor experiente, além de doutor em literatura. Foram importantes os feedbacks do Nelson e as suas sugestões para aprimorar o texto inicial. A interação com o Tadeu Costa Moreno, que fez as ilustrações, também foi enriquecedora. Houve um ajustamento crescente entre o texto e as ilustrações. Ao final, ele relatou que, à medida que foi lendo o livro, foi se envolvendo e assimilando o estilo e o conteúdo, estreitando, assim, a sintonia entre o texto e as ilustrações. Então veio a construção da capa. Aí entrou em campo o Samuel Tabosa de Castro, coordenando a diagramação e formatando a arte da capa do livro, utilizando duas vinhetas das crônicas. Foi ele quem escolheu as vinhetas. Teve a sensibilidade de escolher para a capa a ilustração sensivelmente captada pelo Tadeu, que resume o conteúdo de todo o livro: é nos olhando no espelho das águas do inconsciente, reconhecendo a nossa alma, que podemos transformar nossa vida e nossa história, amadurecendo e nos preparando para amar!

Finalmente, a última leitura, aquela que peneira com olhar cuidadoso, para deixar o livro perfeito, como o Nelson sempre insistiu para ser. Ela foi feita pela minha amiga Irene Fagundes Silva, a Neca, a amiga que inspirou uma das primeira crônicas publicadas, Andando de bicicleta. Euclides Fagundes, o Quico, seu irmão, que é músico e compositor, foi o primeiro que me encorajou a mostrar os meus escritos, e a Ana Cecília, a Tita, a caçula da família que tanto me incentivou, é uma das principais comentadoras do blog.

Meu agradecimento a todos os que participaram dessa construção conjunta, que se iniciou com a troca no consultório, com as minhas próprias histórias, com a troca entre os leitores do blog, numa corrente onde os elos foram formados pelos encontros e fortalecidos pela cumplicidade e a união.

De coração, meu agradecimento a todos!

A Deus, o Criador, que nos dá o talento da criação!

À minha família, o seio de fomentação de tudo o que vivi.

A todas as pessoas com quem cruzei pelos meus caminhos, que deixaram um pouco de si para mim.

Aos meus filhos, frutos do meu ventre, que me alimentam de carinho e me fazem cada dia uma pessoa mais feliz e melhor.

Aos meus amigos sinceros, cuja cumplicidade, incentivo e apoio me fortalecem e não me deixam cair, quando tropeço.

Aos meus clientes, que me fazem entender a alma e o sofrimento humano, que abrem a porta de seus corações e permitem que meu bisturi toque suas feridas.

Aos leitores do blog, que me incentivaram a continuar escrevendo, através de seu apoio e do confronto de idéias.

A toda a equipe da LGE Editora, que me encontrou perdida no meio do caminho, com uns rabiscos nas mãos e me ajudou a transformar tudo aquilo no livro que hoje está sendo publicado.

A todos, a minha eterna gratidão! Mais do que a publicação do livro, é, para mim, um processo de crescimento e transformação pessoal.

Que o livro cumpra o seu papel na construção de um mundo melhor! É esse o meu desejo!

Obrigada!

Em breve serão divulgados a data e o local do lançamento oficial, mas o livro já pode ser encontrado nas lojas de Brasília da livraria Leitura.